sexta-feira, 5 de junho de 2015

Waflles de Liège incríveis!



Olás, tudo bom?
Olha, para começo de conversa, tenho certeza de que no céu tem Waffles de Liège quentinhos em todo café da manhã, para se comer à vontade! E também te garanto que só por essa receita já vale a pena comprar um bom ferro ou uma máquina de se fazer waffles.
Pois é, já deu pra notar que sou apaixonado por eles, né? Mas nem sempre foi assim.
Da primeira vez que provei um waffle no estilo de Liège foi num desses food-trucks que começaram a pipocar pelo mundo e por São Paulo. Eram quadrados pesadões, parecendo massa de pão doce que não assou direito, e vendidos simples ou com acompanhamentos do tipo doce de leite, calda de chocolate, morangos com chantilly. E é claro que ninguém comprava o tipo simples.
Waffles no estilo de Liége são bem diferentes dos waffles comuns, principalmente porque não precisam de complementos, são deliciosos puros. É que ao invés de uma massa neutra e esponjosa, que pede calda, a massa do Waffle Liège leva fermento biológico, é rica como massa de Brioche, amanteigada e com sabor de baunilha. E o principal: na massa são incorporadas pérolas de açúcar, que derretem conforme a massa cozinha no molde, formando pontos caramelizados. É bom demais!
A parte chata da história é que essas pérolas de açúcar são bem raras por aqui – eu nunca encontrei. Sorte que a Cinara, do Cinara’s Place, ensina um truque ótimo: sabe aqueles torrões de açúcar que vende no supermercado, em potinhos? É só, com paciência, cortar os torrões em cubinhos de mais ou menos 0,5x0,5cm e substituir as pérolas. Dá certinho!
Essa receita é mais demorada que a maioria das que você encontra por aí - deve ser preparada de véspera - mas é fruto de uma pesquisa muito bacana sobre receitas e origens do waffle no estilo Liège, então acho que vale muito a pena tentar!
Espero que gostem!


Waffles de Liège
[receita retirada daqui - a receita é feita na batedeira, mas você pode prepará-la amassando com as mãos sem problemas, não é preciso sovar muito]

Ingredientes:
1 e 1/2 colheres de chá de fermento biológico seco;
1/4 de xícara de leite morno [44 graus Celsius, aproximadamente];
2 colheres de sopa mais 2 colheres de chá de água morna [44 graus Celsius, aproximadamente];
2 xícaras de farinha de trigo de boa qualidade;
1 ovo levemente batido, em temperatura ambiente;
1 colher de sopa mais 1 colher de chá de açúcar mascavo;
3/4 da colher de chá de sal;
1 colher de sopa de mel;
2 colheres de chá de extrato de baunilha;
8 e 1/2 colheres de sopa de manteiga sem sal, em temperatura ambiente;
3/4 de xícara de pérolas de açúcar [ou de cubinhos de torrões de açúcar picados].

Preparo:
Coloque o fermento, o leite e a água na tigela da batedeira, e misture com as pontas dos dedos apenas para dissolver.
Adicione o ovo e 2/3 de xícara de farinha. Misture em velocidade baixa, com o garfo 'raquete', para homogeneizar.
Desligue a batedeira. Polvilhe o restante da farinha por cima, sem misturar. Cubra a tigela com filme plástico e deixe descansar, dentro do forno desligado, por 1 hora e 15 minutos. No final desse tempo você verá a massa borbulhando através da farinha.

Retire o filme plástico, volte a tigela para a batedeira, com o garfo 'gancho'. Junte o açúcar mascavo e o sal, e bata em velocidade baixa, apenas para misturar.
Com a batedeira ainda em velocidade baixa, junte o mel e a baunilha. Vá batendo e adicionando aos poucos 2 colheres de manteiga de cada vez.
Aumente a velocidade para médio-baixa e bata a massa por 4 minutos, raspando as laterais de vez em quando.
Desligue a batedeira e deixe a massa desncansar por 1 minuto.
Ligue novamente, em velocidade médio-baixa e bata por mais 2 minutos. Você vai notar que a massa começa a subir pelo gancho, quando é batida. Se não subir, deixe descansar por mais um minuto e volte a bater a massa por mais 2 minutos.
Polvilhe levemente uma tigela grande e limpa com farinha. Passe a massa para essa tigela e cubra com filme plástico. Deixe descansar por mais 4 horas - esse tempo é essencial para o desenvolvimento do sabor da massa.
Depois desse tempo, leve a massa à geladeira por mais uma hora.

Retire a massa da geladeira, descarte o filme plástico e pressione a massa com as mãos, para retirar o ar. Sobre uma superfície levemente enfarinhada, forme um retângulo com a massa. Dobre o retângulo ao meio, formando um quadrado. Envolva o quadrado de massa em filme plástico e leve à geladeira, com um peso por cima [usei 2 pratos], até o dia seguinte.

No dia seguinte, coloque a massa gelada [vai estar firme] em uma tigela grande e junte os pedacinhos de torrão de açúcar, todos de uma vez. Amasse com as mãos até o açúcar se distribuir bem na massa.
Divida a massa em 5 pedaços. Achate com as mãos cada pedaço até formar um disco alto.
Cubra os discos com um pano de prato limpo e deixe crescer por 90 minutos.

Preaqueça a máquina de waffles na temperatura alta [210 graus Celsius]. Cozinhe cada disco de massa [você pode cortar o disco ao meio, conforme o tamanho da sua chapa de waffle] por mais ou menos 2 minutos, até crescer e ficar dourado.

Espere um minuto antes de servir, apenas para o açúcar derretido nos waffles esfriar um pouquinho.




16 comentários:

  1. Nossa! Parece uma delícia!
    Mas é um pouco trabalhoso...rsrs vou ver se deixo a preguiça de lado porque parece valer muito a pena!

    Mi interessa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou suspeito, mas juro que vale esse trabalho todo, viu?!rsrs Se fizer please me conta! Mto obrigado :)

      Excluir
    2. Eu já amava os borrachentos da minha avó. Imagina se não vou gostar desses. Só corro.o risco de dizer a minha vovó querida que achei outro infinitamente melhor.

      Excluir
  2. Oi, Richie! Adorei essa receita, pois, acredite, amo o waffles, aquele clássico mesmo, sem nada! Só ele pra mim já basta e esse waffle de liége parece tão delicioso quanto, hmmm *-* Também estou passando pra contar que o meu blog mudou de endereço! Agora é www.blogcaroltvrs.blogspot.com.br e eu ia amar ter pelo menos a tua visita! Agradeço desde já ❤

    Beijos, Carol!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, Carol, eu sei que ela é meio trabalhosinha, mas faça! C vai ver como compensa!rs
      Mto obrigado pelo link, bjo!

      Excluir
  3. Muuuuuito trabalho, acho que vou tentar fazer esse final de semana, vai ser uma boa pra pensar um pouco sobre algumas coisas. Cara porque você não faz vídeo das suas receitas?! Parabéns pelo blog! Abraços!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente é bem trabalhoso, mas sério, é tão bom que dá até saudade!rsrs Estou juntando pra comprar uma filmadora ;)

      Abraço e muito obrigado!

      Excluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Meuuuuuuuuuuuuu Deusssssssss! você é formidavelmente fantástico!
    To perdida no seu blog a mais de uma hora viajando nas receitas (e quase lambendo meu monitor)
    Amo cozinhar, e sou apaixonada por confeitaria!
    Obrigada por compartilhar tanta gostosura docemente <3

    ResponderExcluir
  6. Richie:
    Dá para fazer os cubos de açúcar em casa...

    É fácil, barato e tu podes fazer do tamanho que quiseres:

    http://www.seriouseats.com/recipes/2012/04/diy-sugar-cubes-homemade-sugar-cube-recipe.html

    ResponderExcluir
  7. Parece tão deliciosa mas super trabalhosa. Kkk Pelo seu texto, quando olho as imagens realmente parecem fantásticos.
    ;*

    ResponderExcluir
  8. Ola, sabe que a waffle de Liège, ou "Gaufre de Liège" em francês, não se chama isso por nada? Liège é uma cidade na Bélgica (é minha cidade natal :D )e é nessa cidade que se faz esse tipo de wafle, a diferenciar da "Gaufre de Bruxelles" que é bem diferente!

    ResponderExcluir
  9. Boa tarde!!!! Poderia me dizer qual a durabilidade? Sei que eh bem mais gostoso comer assim que fica pronto, mas caso eu queria fazer uns dias antes, quanto tempo posso fazer?

    ResponderExcluir
  10. Oi Richie, não tenho batedeira. Achas que consigo fazer essa massa usando as mãos mesmo? Obrigada
    Beijo

    ResponderExcluir
  11. Oi Richie, não tenho batedeira. Achas que consigo fazer essa massa usando as mãos mesmo? Obrigada
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Line, conseguir consegue sim, só vai exigir bastante 'muque' hehehe
      Bjo, mto obrigado!

      Excluir

Seu comentário é muito importante para nós ;P