quarta-feira, 14 de maio de 2014

Cheesecake de Morangos e Creme



Olás, tudo bem?
Esses dias estava lendo o artigo da Nina Horta, colunista gastronômica da Folha de São Paulo, que gerou uma certa polêmica ao tratar, dentre outros temas, do plágio de imagens e receitas. Polêmicas à parte, o que me pegou mesmo no texto foi o questionamento do papel da enorme quantidade/variedade de blogs de comida. A Nina diz que todo mundo está dando seu pitaco, e eu me pergunto: quem sou eu para recomendar receitas? Pra dar pitacos? E é uma pergunta frequente.
Frequente porque, apesar de já ter preparado mais de cem receitas diferentes de torta, por exemplo, eu nunca fui aos Estados Unidos comer uma torta típica, nem mesmo provei uma torta de chef de verdade, provavelmente. Minhas referências são, basicamente, as receitas que já preparei [e a experiência dessas tentativas, repetições, resultados e sabores], e isso pode parecer meio frágil, né? Por isso talvez eu devesse botar um aviso aqui, me isentando de qualquer responsabilidade do leitor também gostar da receita, ou coisa parecida. Ou não, né? Porque algumas coisas a gente sempre acaba aprendendo.
Com cheesecakes, por exemplo, eu tenho uma certa segurança para dar os meus pitacos; Já comi fatias em um monte de lugares diferentes [sempre peço cheesecake quando vejo em cardápios, e quase sempre me decepciono], e sempre preferi a minha receita. Receita que não é minha, porque descende de outras, mas que confio porque vem de muitas tentativas na busca de textura, sabor e aparência ideais. Ideais para mim, vale lembrar.
É por isso que depois de chegar a um resultado plenamente satisfatório no cheesecake tradicional [aveludado, perfumado de limão e baunilha, branquinho e de topo reto como um queijo], hoje eu me permito tentar receitas menos ortodoxas, com mudanças de ingredientes ou acréscimos de sabores.
A receita de hoje é uma dessas, e faz tempo que meu irmão vinha me cobrando esse cheesecake que, segundo ele, tem gosto de 'danoninho' [aquele queijinho petit suisse, sabe?]. São três camadas - base de bolacha, creme de queijo com morangos assados e cobertura de creme de queijo e baunilha [e um plus especial por minha conta - o creme de leite batido por cima]. Simplesmente não tem como não adorar!
Espero que vocês também gostem.



Cheesecake de Morangos e Creme
[receita da Martha Stewart, rende um cheesecake de 23cm de diâmetro]

Para a massa de bolachas:
1 xícara de biscoitos tipo 'Maria' triturados fininho [triture e depois meça];
2 colheres de sopa [40g] de manteiga sem sal derretida.

Para as camadas internas:
450g de morangos maduros, lavados, secos e sem cabinhos;
3 colheres de sopa de glucose de milho;
1 xícara de açúcar refinado;
840g de cream cheese [não vale o light] em temperatura ambiente;
1/4 da colher de chá de sal;
2 ovos, em temperatura ambiente [usei caipiras];
Sementes de uma fava de baunilha;
250ml de queijo tipo mascarpone [usei sour cream* e funcionou muito bem].

Para a cobertura opcional:
3/4 de xícara de creme de leite fresco gelado batido em picos moles.

Preparo:
Preaqueça o forno a 150 graus [mantenha a porta do forno com uma frestinha aberta, caso o seu não chegue nessa temperatura].
Distribua os morangos em uma fôrma, numa única camada, e adicione a glucose. Mistur para cobrir os morangos, espalhe-os bem e leve ao forno por uma hora e meia.
Transfira os morangos assados juntamente com o caldo para uma tigela e amasse bem com um garfo.
Deixe esfriar completamente.

Enquanto isso prepare a base de bolacha:
Aumente o fogo para 170 graus.
Misture os biscoitos triturados com a manteiga até conseguir uma farofinha úmida. Pressione a farofinha sobre o fundo de uma fôrma de fundo removível de 23cm de diâmetro, apertando com as costas de uma colher para ficar bem compactado.
Leve ao forno por cerca de 10 minutos, até começar a dourar a superfície.
Retire do forno e deixe esfriar completamente.

Prepare as camadas internas:
Coloque uma chaleira de água para ferver, para usar no banho-maria.
Cubra o fundo e laterais da fôrma com 2 folhas de papel alumínio, protegendo bastante para que durante o banho-maria a água não penetre no cheesecake. Reserve
Na tigela da batedeira coloque o cream chesse e bata em velocidade médio-baixa, usando o garfo tipo 'raquete', até ficar cremoso [por uns 2 minutos]. Adicione o açúcar aos poucos e o sal, sem parar de bater e lembrando de raspar as laterais da tigela. Junte os ovos, um a um, batendo bem após cada adição [conte 23 segundos de tempo de batedeira após cada ovo]. Raspe bem as laterais da tigela e adicione as sementes da fava de baunilha e o mascarpone, batendo por uns 3 minutos até conseguir um creme homogêneo.
Reserve 2 xícaras desse creme e no restante incorpore os morangos amassados.
Cubra a base de biscoitos já fria com o creme de morangos.
Espalhe colheradas do creme de baunilha por cima e, com cuidado, espalhe bem.
Coloque a fôrma dentro de uma assadeira funda. Coloque a assadeira na gradinha do forno e então preencha com a água fervente, até um pouquinho acima da metade da altura da fôrma.
Feche o forno e deixe assar por cerca de 1 hora e 10 minutos, até que as laterais estejam firmes e o centro um pouco mole [teste dando uma leve balançada na fôrma - o centro deve dar uma tremidinha].
Deixe a porta do forno aberta até o cheesecake esfriar completamente. Cubra com filme plástico e leve à geladeira por umas 4 horas, ou de um dia para o outro.
No momento de servir, passe uma faquinha com cuidado para desgrudar o cheesecake da fôrma e passe para um prato de servir. Cubra com o creme batido se quiser, e sirva.

*para fazer o sour cream, aqueça ligeiramente 1 xícara de creme de leite fresco. Adicione 2 colheres de sopa de suco de limão, misture bem e deixe repousar em temperatura ambiente por algumas horas, ou de um dia para o outro.

33 comentários:

  1. Richie! Quanto tempo! :) Estive nos Estados Unidos recentemente e, meu amigo, fui pega de surpresa pela decepção. Estava achando que ia lá comer todas as delícias das receitas e, dentre todas as refeições que fizemos, poucas foram as que me satisfizeram de verdade. A torta de maçã estava boa, mas gosto mais da minha. Os doughnuts, hiper doces, hehehe, é uma dor de dente por mordida! Prefiro os que faço em casa. Cookies então, nem se fala. Acho que muitas vezes a nossa expectativa é alta, e o retorno é negativo. Tenho certeza de que as suas tortas dão de mil a zero nas de lá, especialmente pelo cuidado e carinho, e muito também pela escolha de bons ingredientes!

    Mas devo confessar que o cheesecake da Cheesecake Factory foi o melhor de todos!!!! :D

    Beijoca!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Renata, tudo bem? Pois é, tempão mesmo! Que bom ver vc por aqui! ;)
      Engraçado, uma amiga que foi para o Canadá comentou a mesma coisa, Renata! Tudo exageradamente doce! E eu que achava que nós brasileiros que exageramos no açúcar.
      Muito obrigado pelo comentário fofo, e vi em algum lugar que a cheesecake factory vai abrir lojas no Brasil, então vou poder conferir! hehehe

      bjão e obrigado pela visita!

      Excluir
  2. É verdade, tem mesmo uma profusão de blogs de comida, para mim o que diferencia um do outro é o texto, o tipo de receitas e a explicação dela. Adoro suas fotos, a escolha das receitas (todas que fiz até hoje deram certo) e os textos!
    Me fazem voltar sempre!!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Simone, a Nina Horta fala desse ' tem pra todos os gostos'. Eu acho isso bom, na verdade. É meio o caderno de receitas que você empresta pra vizinha copiar, só que na era digital, né?rs

      Muito obrigado pelos elogios ao blog, e principalmente por testar as receitas. É ótimo saber que por aí tb dão certo!

      bjão e mto obrigado!

      Excluir
  3. Ah! E vou fazer esse cheesecake com certeza!! :))

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Conta pra gente quando fizer, please, Simone! =D

      Excluir
  4. Richie,

    Ja fiz algumas receitas do seu blog a maioria deu certo, gosto da maneira como escreve e explica as coisas. Acompanho varios blogs de culinaria e posso te dizer que o seu blog é muito bom . Grata pelas receitas que vc posta apesar de serem originalmente de outras pessoas vc ensina como substituir os ingredientes que nao temos aqui e isso auxilia muito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa, muito obrigado, Lainx! Acho que essa confiança de pegar uma receitade alguem que a gente nunca viu e testar em casa é o retorno perfeito pra quem divulga receitas, como eu. Fico muito feliz em saber!

      Abraços!

      Excluir
  5. Olá, boa tarde. Uma pergunta: dá para usar a batedeira comum para fazer essa receita?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fê, tudo bem?
      O garfo tipo 'raquete' ou 'pá' é ideal porque não agrega tanto ar ao creme enquanto homogeniza, mas dá pra fazer com a batedeira comum sim, sem problemas!

      Excluir
  6. oi richie... posso substituir a fava de baunilha por extrato de baunilha?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ou Ji, tudo bom? Pode sim! Acho que só a essência que é legal evitar, o resto, sem problemas. :D

      Excluir
    2. Ops, Ju... digitei errado hehe

      Excluir
  7. Pode continuar a dar o seu "pitaco" porque todas as receitas que eu já provei suas costumam-me sair bem e sao deliciosas!!
    Beijinhos desde Portugal!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito confortador saber que pitacos são bem-vindos, até aí em Portugal! Muito obrigado mesmo, bjo! :)

      Excluir
  8. Oi, Richie!
    Eu AMO cheesecakes, mas faço com o cream cheese comum, que acho no supermercado (Philadelphia ou Polenghi).
    Que marca é essa de cream cheese sem sal?
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paula, foi super deslize meu esse cream cheese sem sal! Força do hábito ao escrever manteiga sem sal. É o normal mesmo, consertei no texto.
      Muito obrigado e abraço! :)

      Excluir
  9. Magnífica :)
    Também penso às vezes nisso de "quem sou eu para dar pitacos?", mas depois vêm pessoas de diferentes sítios, às vezes pessoas que nem conheço, dizer que já experimentaram inúmeras receitas do blog e que adoram e fico a sentir que é por estas pessoas que faço isto - embora possamos andar todos aí enganados com o que é ou não bom ou correcto! Portanto é continuar a dar pitacos como cada um sabe ;)
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só posso concordar com vc, Inês! [é Inês de castro de vdd?] Esse retorno sincero nos motiva a compartilhar mais receitas!
      Bjo e muito obrigado!

      PS: que lindo seu blog!

      Excluir
  10. Nossa, que delicia, vou tentar fazer! Adorei o seu blog e já estou seguindo viu?
    Bjs
    http://cacau-aquiemcasa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cacau, seja bem-vinda! Muito obrigado por visitar A Cozinha Coletiva, e espero que volte sempre! Ah, e me conte se fizer o cheesecake! :)

      bjo

      Excluir
  11. Olá Richie,
    conheci seu blog hoje e estou simplesmente encantada (já estou lá pelos posts de 2013 e voltei só para comentar no atual). Parabéns pelo bom gosto das receitas e do cuidado com toda a publicação. Pretendo preparar muitas dessas tortas maravilhosas (espero que fiquem tão bonitas quanto as suas).
    Beijos, Ana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana Lígia, seja bem-vinda, espero que se divirta por aqui :)
      Muito obrigado pela visita, pelo comentário e espero que todas as receitas que você testar sejam super sucesso aí tb!
      bjo, e volte sempre :)

      Excluir
  12. Se um dia eu comer essa receita, alguém (provavelmente vc) vai ter feito para mim! :P :D <3

    Minha boca encheu d'água e a barriga roncou!
    Super!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu faço, só pedir, Gábs!rs
      Alias, faz quase um ano que não nos vemos! Hora de rever, não acha?rs

      bjão e mto obrigado, Gábs!

      Excluir
  13. Os milhóes de blog de comida disponiveis estão disponiveis e com leitores da mesma forma que temos centenas de restaurantes servindo hamburguer: não é só de carne e pão que faz uma boa experiencia, mas da receita, ambiente, serviço, anfitrioes e a propria historia de cada um dos comensais..
    Na Cozinha coletiva encontro os textos e receitas que me encantam, toda semana sei que vou encontrar uma nova experiencia, mesmo que saiba que algumas receitas não vou ter tempo ou paciencia para tentar fazer, bem como algumas vou fazer com a minha cara e meu gosto.
    E o fato de vc ter ou não visitado chefs famosos, USA, França ou Piracicaba não tem tanto impacto assim... A experiencia deste blog é que me cativa.
    Parabéns e obrigada por todos estes posts maravilhosos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ô Elaine, muito obrigado pelo comentário tão tão fofo e confortador! Fiquei muito feliz, mesmo!
      Eu é que agradeço pelas visitas e pelo carinho.

      Abraço! :)

      Excluir
  14. Richie, que delícia de cheecake. Ficou com um aspecto incrível!

    Vem participar do sorteio que estou promovendo no blog: http://www.receitaesperta.com.br/2014/05/sorteio-comemoracao-1-ano-do-blog.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Priscila, muito obrigado! Inclusive pela dica ;)

      abraço!

      Excluir
  15. Oi Richie, tudo bom?
    Amo suas receitas, sou mais uma dessas "leitoras fantasmas" que sempre acessa o blog, mas nunca interage ne? hahaha Só queria te dizer que acho essa era dos blogs fantástica, amo acessar blogs, na verdade em vários ramos como moda e cinema, prefiro ler blogs à opiniões "profissionais", porque na simplicidade do blog, se aproximam mais da minha realidade e da minha necessidade. Uma vez li um texto de uma blogueira (Helo Gomes) dizendo que ela achava que todo indivíduo deveria ter blog. E concordo com ela, todos temos algo de bom pra contar, acho que no mundo atualmente existe espaço pra tudo; pro blog culinário, pra culinária jornalistica, pro blog look do dia, pro site de moda... e por aí vai.
    Continue com seu ótimo trabalho! Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Má, obrigado por ser uma 'leitora fantasma' hehehehe e muito obrigado por aparecer, agora! Adoro quando alguem me escreve contando que sempre visita mas nunca comenta :)
      Eu concordo com você, acho que, no caso de blogs de culinária, a troca de receitas sempre existiu, a era digital só ampliou essas trocas e facilitou o acesso à informação, né? Super válido!
      Abraço e muito obrigado!

      Excluir
  16. Richie, vou fazer sua receita, morei alguns meses no USA mais nunca comi Cheesecake, mais um filho que estudou cinco anos lá sempre me pedia p/fazer fiz um tradicional, ele disse que estava igual não ficou nada a dever.Eu achei meio trabalhoso peguei a receita Joyofbaking, comdireito a video e tudo.agora vu testa sua receitae.abraços, estou esperando a receita do suspiro lembra de casamento.

    ResponderExcluir
  17. Richie, moro nos EUA há 4 anos, e estou envolvida com o país de certa forma há quase 15, e pelo menos visualmente suas tortas fazem justiça. São impecáveis. Seu cuidado ao escolher e fotografar as receitas mostram o quão perfeccionista e atencioso você é. No mais, ser blogueiro é isso mesmo: tentativa e erro, muita pesquisa e nossa opinão pessoal mesmo, ou dos amigos e familiares. Sou blogueira e blogo sem vergonha! :)

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante para nós ;P