quinta-feira, 10 de abril de 2014

Torta de amêndoas italiana com geléia de groselhas


Olás, tudo bem?
Eu estava em São Paulo a trabalho e como o expediente acabou cedo, aproveitei para dar uma passada na Rua Paula Souza [aquela cheia de lojas de panelas e equipamentos para cozinha - sempre passo por lá, geralmente nunca compro nada..rs] e almoçar no Mercadão, ali pertinho. A idéia era aproveitar o Mercadão para comprar cream cheese em embalagem de 1,5kg [sou daqueles que levam até uma bolsa térmica junto] e um quilo de noz pecã [coisas que por aqui não existem], mas quando bati os olhos naqueles pequenos rubis brilhantes piscando pra mim do alto das bancas de frutas, nada mais importava. Groselhas! Comprei, claro. Quatrocentos gramas. Quase cinquenta reais. Susto e encantamento, estava hipnotizado pela beleza daquelas pérolas vermelhas.
No dia seguinte o desencanto: as groselhas são muito azedas! Azedas e picantes. Não é a toa que são muito mais usadas como decoração do que como ingrediente. Bom, engoli minha decepção e resolvi remediar com açúcar: fiz um vidro pequeno da geléia de groselhas do David Lebovitz, facílima, que combinada com a maciez e o leve aroma de laranja do marzipan caseiro da Pat, do Technicolor Kitchen [ótima dica, vou ter que fazer sempre!] rendeu uma bela torta para a hora do café!
Óbvio que pode ser feita com geléia de outras frutas, né? Espero que gostem! :)


Torta de Amêndoas Italiana com geléia de groselha
[receita levemente adaptada daqui]

Ingredientes para a massa:
1 xícara de farinha de trigo;
1/3 de xícara [65g] de manteiga amolecida, sem sal;
1/4 de xícara [50g] de açúcar;
1 gema;
1 pitada de sal.

Ingredientes para o recheio de marzipan:
1/2 xícara mais 1 colher de sopa [115g] de manteiga sem sal, em temperatura ambiente;
225g [1/2 receita] de marzipan* picado em cubinhos;
1/4 de xícara [55g] de açúcar cristal;
2 ovos;
1/3 de xícara [50g] de farinha de trigo;

300g de geléia de groselha**:
1/3 de xícara [50g] de amêndoas fatiadas;
Açúcar para polvilhar.

Prepare a massa:
Em uma tigela coloque a manteiga amolecida, o açúcar e o sal, e trabalhe amassando com a palma das mãos por alguns instantes. Acrescente a gema e misture. Junte a farinha peneirada, misturando até conseguir uma massa homogênea. Enrole em filme plástico e leve a geladeira por meia hora.
Abra a massa, com um rolo ou apertando com as pontas dos dedos, sobre o fundo e laterais de uma fôrma  canelada de 22cm de diâmetro, de fundo removível. Fure a massa com um garfo. Reserve no freezer por 10 minutos.
Preaqueça o forno por 10 minutos em 180 graus.
Cubra a massa gelada com uma folha e papel alumínio e por cima coloque algum peso [feijões, por exemplo]. Leve para assar por 15 minutos.
Retire do forno.

Prepare o recheio de marzipan:
Na batedeira ou usando um bom fouet, bata a manteiga em uma tigela até ficar pastosa. Adicione os cubinhos de marzipan e bata bem, até ficar um creme homogêneo. Continue batendo e adicione o açúcar.
Junte um ovo de cada vez, batendo após cada adição. Por fim, incorpore a farinha de trigo.

Montando a torta:
Sobre a massa pré-assada, espalhe a geléia de groselhas. Por cima, distribua colheradas do creme de marzipan e alise com uma espátula. Espalhe as amêndoas fatiadas e polvilhe açúcar.
Volte a torta para o forno por 35 minutos, até o recheio firmar e dourar.
Sirva em temperatura ambiente.

*Marzipan caseiro
[rende aproximadamente 500g de marzipan, receita adaptada daqui]

Ingredientes:
1 ovo grande;
1/4 da colher de chá de extrato de baunilha;
1/2 xícara [90g] de açúcar refinado;
1 xícara [140g] de açúcar de confeiteiro, peneirado;
2 e 1/4 xícaras [220g] de farinha de amêndoas;
Raspas da casca de laranja ou 2 colheres de sopa de Cointreau.

Preparo:
Bata ligeiramente o ovo com a baunilha. Reserve.
Em uma tigela misture os açúcares, a farinha de amêndoas e as raspas de laranja ou o Conitreau. Junte a mistura de ovo, misturando com uma colher e depois amassando com as mãos, até conseguir uma textura homogênea. Faça uma bola com a massa, envolva em filme plástico e conserve na geladeira [deixe na geladeira pelo menos três horas antes de usar]. Dura até um mês!


**Geléia de groselha vermelha
{receita retirada daqui]

Ingredientes:
Groselhas e açúcar, a mesma medida.

Preparo:
Lave as groselhas e retire os cabinhos. Coloque em uma panela e adicione água o suficiente para apenas cobrir o fundo da panela. Leve ao fogo, mexendo constantemente, até as groselhas ficarem macias.
Passe por uma peneira, apertando bem para conseguir tirar todo o sumo das groselhas. Descarte cascas e sementes.
Meça a quantidade de suco obtida: vai ser a mesma de açúcar necessária.
Junte o suco com o açúcar, em uma panela, e leve ao fogo médio alto, mexendo até o açúcar se dissolver. Quando começar a ferver, deixe por 5 minutos.
Apague o fogo, retire qualquer espuma que tenha se formado, e passe a geléia quente para vidro esterilizados. Tampe-os, vire-so de cabeça para baixo e deixe esfriar completamente.

20 comentários:

  1. Eu, pelo menos, sempre associo groselha com o xarope da Milani. Tb não fiquei contente qdo comprei uma bandejinha para comer. Dá vontade de morder e ficar feliz (para quem gosta do sabor, vale. O que não é o meu caso :P )

    Linda e devia estar deliciosa!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, pior que o sabor não tem nada nada de parecido com o xarope, né Gábs?! Não lembra nem de longe! Nem depois de virar geléia, alias.
      Ia ser mais gostoso se lembrasse rsrs. Sei lá, além de azedo e picante, não senti sabor nenhum caracteristico..

      Bjo Gábs, obrigado pela visita!

      Excluir
  2. Olá Richie,

    já sigo o seu blogue há muito tempo e fico sempre deslumbrada com as suas receitas e fotos.
    Também já fiz uma tarte parecida e posso dizer que adorei.
    A sua ficou lindíssima. Parabéns.

    www.paladarescompanhia.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Sofia, tudo bom? Muito obrigado pelas visitas e pelo comentário, adorei! Abraço!

      Excluir
  3. Ficou tão linda, e nesse cake stand é perfeita e capaz de surpreender qualquer um.
    Confesso que não gosto muito de groselha, em decoração fica muito bem mas de sabor não é para mim, embora em casa tenha no quintal uma groselheira mas pouco fica pois os passarinhos tratam dela.
    Parabéns pelo blog:)

    beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah Sandra, por mais que eu nao tenha gostado muito do sabor da groselha, que sonho ter uma groselheira no quintal!!!
      Muito obrigado, beijo!

      Excluir
  4. Olá Richie,
    a tua tarte tem um belíssimo aspeto. Assim com aquela dignidade de aparecer numa vitrina de uma boa confeitaria francesa.
    Quanto às groselhas, por cá é mais vulgar, sem preços proibitivos, mas ainda assim dispendiosas. E, ao contrário de ti, gosto imenso daquela acidez. Aliás, as minhas filhas também ;) Gostamos particularmente de frutos vermelhos e citrinos, e penso que é precisamente pela acre :) Gostos!
    Um beijinho,
    Guida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa Guida, me deixou de sorriso no rosto aqui com esse elogio! Que bom que voce gostou!
      Sabe que eu gosto de frutas ácidas, mas na groselha parece que não percebi nenhum sabor dela mesmo, sabe? Apenas a acidez apimentada, sem nada caracteristico.
      Mas é que imaginava algo muito especial mesmo..rs

      beijo e muito obrigado!

      Excluir
  5. Richie, o aspecto da torta está belíssimo, adoraria provar!
    Qto as groselhas, confesso que tenho me controlado para não comprar um pequeno pote ( com grande preço!), justamente pensando na decepção do sabor e por não saber exatamente o que fazer com elas, ao menos agora tenho uma sugestão.
    Bom fds

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cristina, muito obrigado!
      Olha, recomendo provar as groselhas poerque né, é um novo sabor e talz.. mas que azedo por azedo, prefiro mil vezes o maracujá! rsrs

      Bom fim de semana pra vc tb!

      Excluir
  6. Oi Richie, acho que ela deve ficar com consistencia e sabor parecidos com o Frangipan, nao e?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fica sim, Leila! Algo entre frangipane e Tarte Santiago. Pra que adora amêndoas, é prato cheio!
      Alias, lembrei que tem aqui no blog receita de Bakewell Tart, uma sobremesa inglesa muito parecida com essa, à base de frangipane!

      Mto obrigado, Leila, abraço!

      Excluir
  7. Nossa Richie, a gente percebe quando alguém faz o que gosta pela cara das coisas. Suas tortas são verdadeiras obras primas, lindíssimas. Você é muito caprichoso e detalhista, isso faz com que a apresentação de seus pratos seja deslumbrante.
    Parabéns!!
    Admiro muito seu trabalho e acompanho seu blog há 3 anos. Abraços, Ninha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muuuito obrigado, Ninha! Poxa, que comentário mais fofo! Muito obrigado mesmo, por esses 3 anos de visitas! Adorei saber! Abração!

      Excluir
  8. Ah, querida, amei saber que vc curtiu o marzipã! Eu adoro aquela receita do Paul Hollywood, já usei em inúmeras receitas e sempre dá certo (fora que eu como puro tb, é um perigo).
    Que torta linda! Vc é realmente o Rei das Tortas, ficam maravilhosas sempre! Amei a ideia de geleia de groselha, vou provar quando encontrar as frutinhas novamente.
    Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, tive que comer puro tb, Pat! kkkk Eu adorei o toque de laranja! Truque pra fazer sempre, como eu disse. Muito obrigado! Vc sabe que o TK é uma super inspiração desde sempre, né? bjo!

      Excluir

Seu comentário é muito importante para nós ;P